Livro do Armazém: transcrição de um livro contábil com operações comerciais de Antonio Carlos de Arruda Botelho – Piracicaba e Araraquara (1850-1854)

Ano de publicação: 2017
Autor: Centro de estudos da Casa do Pinhal
Co-edição: Centro de estudos da Casa do Pinhal
Edição: Primeira
ISBN: 978-85-7600-474-5

Livro do Armazém: transcrição de um livro contábil com operações comerciais de Antonio Carlos de Arruda Botelho – Piracicaba e Araraquara (1850-1854)

Passe o mouse sobre a foto

de R$ 100,00 por R$ 80,00
Economize R$ 20,00!

Prazo de Entrega

o Prazo de Entrega de sua compra, contará a partir da confirmação do pagamento e não, em relação à data da compra.

Descrição

O Livro do armazém apresenta a transcrição de um minucioso registro contábil de operações comerciais ocorridas principalmente em Piracicaba (SP), à época Vila Nova de Constituição, entre 1850 e 1854. Muito provavelmente relacionadas a um armazém de secos e molhados, as operações sugerem que o proprietário do estabelecimento fosse Antonio Carlos de Arruda Botelho, futuro conde do Pinhal, mencionado em diversas passagens como o principal operador das transações, também realizadas em Araraquara e outras localidades. O armazém supria de produtos diversos a população da vila e de suas proximidades, e as anotações de sua atividade cotidiana ilustram fatos típicos do comércio do período.

Esta edição inclui ainda a transcrição da valiosa carta de um ex-escravo, Felicio; um estudo introdutório que contextualiza historicamente o manuscrito, e notas e apêndices esclarecedores. Torna-se, assim, rica fonte de pesquisa para historiadores e outros estudiosos da segunda metade do século XIX no Brasil.

Os manuscritos do Livro do armazém pertencem ao acervo do Centro de Estudos da Casa do Pinhal, e podem ser acessados pelo site www.casadopinhal.com.br.

Informações adicionais

  • Peso: 0,84 Kg
  • Dimensões do produto
    • Comprimento: 28 cm
    • Altura: 4 cm
    • Largura: 23 cm

Material complementar

Aproveite também

Tags relacionadas